Buscar

O que são os Festivais Holísticos

Atualizado: Mar 5

As práticas de reverência e perdão aos antepassados fazem parte de muitas culturas tradicionais, como a dos povos orientais, ou dos costumes dos povos indígenas. Atualmente, e principalmente, com o sucesso e enorme resultado positivo das Constelações Familiares, a do sistema Havaiano Ho'oponoopono, da cura de memórias, e dos Rituais de Honra aos Antepassados, com as práticas Indígenas ou  Xamânicas; honrar e prestar homenagem aos ancestrais vem sendo costumeiramente buscado pela humanidade em todo o mundo como prática de cura de males em todos os níveis energéticos, pois, já se reconhece a força de nossos antepassados como influência direta em nossas vidas.


Hoje em dia, a reverência à ancestralidade não acontece mais apenas como herança de antigas tradições. Reverenciar a ancestralidade é também trazer a cultura dos povos antigos para nossa realidade buscando aprender como seus rituais, preces, danças e músicas atuavam em suas vidas.


Nossos ancestrais sabiam que a música tinha o poder de harmonizar a alma e curar com meios que a medicina tradicional ainda desconhece. Na China antiga, curar era um dos trabalhos primordiais da música. O ideograma para Medicina se origina, na verdade, do ideograma da Música.


Diversos e distintos textos antigos, considerado sagrados, falam sobre a importância de apenas fazer som, quer se trate de cânticos, percussão, ou falando em línguas (como os fundamentalistas, carismáticos fazem). Eles são apenas diferentes maneiras pelas quais as pessoas estão acessando níveis mais profundos de si mesmas. Devido à música carregar ressonância matemática, as frequências são capazes de inspirar a humanidade espiritualmente a fim de que se reconheçam como seres divinos.


A cura se tornou relacionada com nossa evolução por reconectar os filamentos adicionais de DNA. Se refere também à ajuda de outra pessoa a se restaurar a um estado de "Plenitude Espiritual". Nada mais interessante, lúdico e leve do que promover cura individual ou coletivamente através de ações que nos façam honrar, reestabelecer conexões com nossos ancestrais através de seus ritos, danças, músicas.


E é com esta intensão que o Instituto Lua Nova estabeleceu parcerias com outros grupos holísticos e profissionais de áreas distintas, para difundir estes rituais, sonoridade, música, cânticos, lendas, danças e arte para este grande encontro e reconectarmos coletivamente com nossa essência e honrar nossa história. Propondo um fim de semana onde tudo isso poderá se integrar expandindo a consciência coletiva, trazendo harmonia a nossas histórias de família e ancorando uma Egrégora de Alegria e Amor a todos os envolvidos neste Festival.


7 visualizações

© 2019 Todos o Direitos Reservados ao Instituto Lua Nova.

R. Viviane Vieira Pedreira, nr - 20-2 - Praia de Ipitanga, Lauro de Freitas - BA, 42700-000

Telefone: (71) 98806-0907

Desenvolvido por Agência maissucesso

whats.png